Bolsinha de Remédios – Primeiros Socorros

Olá pessoal ! Faz tempo que não escrevo nada por aqui… mas já comecei com os preparativos para o IV Encontro de Blogs Campistas e aproveitei que sobrou um tempinho para mostrar para vocês o que vai dentro da bolsinha de remédios, que preparo sempre com muito carinho, antes de sair para um acampamento com minha filha.

Uma das questões mais delicadas, quando se pensa em acampar com crianças, é a possibilidade de uma doença ou um eventual acidente. Realmente essa é uma questão a se preocupar, mas isso vale para qualquer circunstância, não apenas no momento camping. Seja em casa, em uma viagem para casa de família ou hotel, seja para um camping, sempre é necessário ter em mãos a famosa bolsinha de primeiros socorros contendo os itens que atendem as necessidades de seu filho.

É claro que a bolsinha não faz milagre, mas na maioria dos casos ajuda bastante. Em casos mais sérios, ao se acampar com criança, o melhor é já sair de casa consciente de que eventualmente será necessário desarmar tudo e voltar para casa antes da data prevista. Afinal, acidentes e doenças infantis acontecem e quando a coisa é mais séria é bom voltar para casa onde temos mais recursos.

Outra dica importante é sempre ficar atento ao hospital mais próximo, caso seja necessário socorro imediato. Antes de pegar a estrada faça uma pesquisa dos hospitais mais próximos do camping e leve isso anotadinho pois não terás muito tempo para pesquisas na hora do sufoco. Além disso, esteja certo de que a comunidade campista e os próprios funcionários do camping serão solícitos e virão ao seu auxílio se algo sério acontecer.

Tirando as situações mais críticas, não deixe qualquer febrinha estragar as férias de seus pequenos.

Lembre-se que a água, a comida diferente e a euforia da superfelicidade de estar ao ar livre pode abrir as portas para uma febrinha noturna que assim como veio, vai embora apenas com uma dose de antitérmico. Essas febrinhas são bem comuns e minha filha já passou por isso várias vezes. Nunca precisamos voltar para casa. A dica é, fique tranquilo e avalie a situação sem desespero. Observe os sinais de seus filhos (abatimento ou não) e siga seu instinto, pois ninguém conhece melhor seu filho do que você mesmo.

Sem contar os inumeros tombos que se tudo der muito certo seus filhos vão levar ! A grande maioria das vezes os pequenos acidentes se resolvem com muito carinho, uma massagem, um beijinho e um band-aid do personagem favorito do seu filho.

Mas o que levar afinal ? No post de hoje vou mostrar para vocês a minha bolsinha. É pequenininha e acredite, cabe tudo ! É claro que essa bolsinha não é uma regra. Sua bolsinha deverá refletir as suas necessidades de seus filhos. No entanto, para quem está na dúvida do que levar, e não tem ideia de como começar, essa listinha poderá dar uma ajuda.

O que vai dentro da minha bolsinha:

– Uma caixa de band-aid com desenhos fofinhos (esse é o item mais importante)
– Novalgina Infantil
– Seringa dosadora para medir a quantidade de novalgina
– termômetro
– pacotinho de lenço descartável
– saquinho de gase
– alcool gel pequeno
– tesourinha
– pinça
– Merthiolate
– Água Oxigenada 10 Vol.
– algodão e alguns cotonetes (um pouquinho em um saquinho)
– soro para o nariz (soro comum, rinosoro ou maresis)

Imagem

E tudo cabe dentro dessa pequenina bolsinha… e ainda sobra muito espaço.

Enfim, essa é a minha bolsinha que até então nunca me deixou na mão. Se seu filho toma alguma medicação específica não deixe de acrescentar.

Imagem

Para finalizar, lembre-se que o melhor remédio é a prevenção. As mesmas preocupações que temos que ter quando temos uma criança em casa se estende ao camping. Evite deixar facas, espetos de churrasco e objetos cortantes acessíveis. O mesmo vale para detergente e produtos tóxicos de maneira geral.

Assim que chegar e montar seu equipamento, faça um passeio de reconhecimento do local com seu filho, identifique os possíveis focos de perigo, mostre as cordinhas das barracas e diga para ele que é importante prestar atenção nesses perigos em potencial para evitar acidentes.

Se você usa fios elétricos, e pior ainda, transformadores de energia, muito cuidado ! Tentem deixar tudo isso escondido das crianças.

Por fim, se ver coisas perigosas muito expostas na barraca ao lado, não pense duas vezes em pedir o apoio do vizinho. Quem não tem filhos pequenos geralmente não se preocupa muito com esses detalhes, então, com uma boa conversa e muita simpatia seu vizinho certamente vai entender… e com isso evitará muitos problemas.

Até a próxima !

Lys

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: